sexta-feira, 6 de junho de 2014

Ian Gillan, mais um roqueiro velhinho que não pensa em parar


Mesmo não sendo muito estrela, Ian Gillan é um dos melhores vocalistas da história do metal (o Deep Purple passou no Brasil em 2011). Hoje, aos 68 anos ele está entre os mais velhos da sua época e sua voz está bem desgastada nas performances ao vivo, apesar de ainda assim manter longos shows e produção de novos álbuns ("Now What?!" lançou ano passado).


Mas ele está nem aí! Em entrevista o bonzinho cantor com visual de velhinho carioca disse o que acha das pessoas que dizem que ele está velho demais:

‘Já nos chamaram de roqueiros velhos, pensionistas do rock e dinossauros. Quer dizer, eu tenho um couro grosso, eu entendo isso, claro, se os jovens dizem, ‘Sai da frente, vovô! Morre de uma vez!’, eu penso comigo mesmo e daí paro: ’Vai se fuder!'.’

Eu não esperava essa ._. Pra quem não sabe, Gillan é inteligentíssimo. Além de sua incrível carreira na música com o Deep Purple ele já substituiu Ozzy Osbourne cantando e compondo no álbum "Born Again" do Black Sabbath. Ele também participa da produção de livros e rumores dizem que ele cantava pelado no estúdio pra se sentir mais a vontade ._. É tanto espaço falando das maluquices de Ozzy e cia. que caras como esse acabam passando em branco.

2 comentários:

  1. Children Of The Grave6 de junho de 2014 12:49

    Um tempo atrás li a Biografia do Tony, "Iron Man: Minha Jornada Com o Black Sabbath" e o Tony contando sobre ele é muito engraçado...

    ResponderExcluir
  2. Deixa esse cara ver este post, na certa ele contrata você!

    ResponderExcluir